boa noite












Está frio, faz frio, chegou o frio e nós quietos para não perturbar os galhos e as tocas dos coelhos, era assim neste tempo frio em que faz frio que o musgo cobria as pedras do pinhal e esperávamos a eternidade num minuto ou dois e eles surgiam.
E não tardava a lua plena.














19 comentários:

Kika disse...

Kriu?

Vije Mária, tantas Mindys a espreitar pelos teus arbustos!

Kriu!

Graça Pires disse...

Boa noite, Manuela.
Qualquer eternidade nos aguarda.
Talvez haja um lugar abrigado em nosso olhar deslumbrado...
Um beijo.

disse...

Também lá estão militantes de esquerda...

ki.ti disse...

então não se vê que são as renas de S. Nicolau?

Jaime Latino Ferreira disse...

MANUELA BAPTISTA


« ( ... ) E não tardava a lua plena. »


Plena mesmo!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 6 de Dezembro de 2014

. intemporal . disse...

.

.

. se são.renas . então a Kika tem toda a razão . :) .

.

. está frio . muito frio . e já cheira a natal .

.

. esta é uma página precedente . tão quente . :) .

.

. íssimo feliz .

.

.

Rogerio G. V. Pereira disse...

O frio, cumprimentou-me à chegada
não lhe disse nada
e no calor da luta
afugentei os pássaros
sem querer
Vão perceber
Voltarão ao madrugar
depois da lua plena se ir

(sei que as eternidades demoram apenas uma noite)

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Foi dia de Lua Cheia e também de muito frio. Bem que puxei os cobertores, mas ele- o frio- não desistia.
Não resisti e fiz-lhe uma fogueira.
Depois sentámo-nos os dois de frente para a lareira.
Quem sabe um dia ... haverá fogueira...

Marcos Satoru Kawanami disse...

Renas ou corujas entre galhos?

:)

Luís Alves da Costa disse...

É esse musgo que é um dos mais fascinantes destinos das minhas deambulações solitárias, como uma espécie de epiderme do olhar, a tornar as cores afundadas no repouso do tempo hiemal

Kika disse...

Kriu?

Estão lá em baixo um gatos com asas (?) e um cavalinho a quem a esposa, enfim...

Do cavalo tenho pena...

Kriu!

Mar Arável disse...

Falta atear um fósforo








Rita Freitas disse...

O calor da lua plena.

Abraço

Isa Lisboa disse...

Está frio e apetece-nos a nós estar na toca :)
Um abraço, boa semana!

Jacintinha Marto disse...

Só quem aqui chega, no estado em que eu chego, com os meios com que chego, mas mesmo assim com uns bocadinhos de elan vital que ainda me permite escrever qualquer coisinha,
venho sempre atrasada para comentar,
mas lá consigo, antes de fecharem a porta,
acho as imagens lindas, fazem-me lembrar umas estevas para onde me costumam empurrar a cama articulada, para sofrer todo o tipo de violência não doméstica,
coitada da aleijada,
sempre que há uma operação de rusga na Grande Lisboa, é depois em cima da minha carcaça que caem as vinganças.
A polícia nunca encontra neles nada, mas já o mesmo não posso dizer de mim, que em vez de me largarem, são capazes de estar das três às seis da manhã, a encontrar e a fazerem coisas que nem percebo, já que não tenho qualquer sensibilidade da cintura para baixo.

Adorava ter lido o seu texto, mas como sabe, sou analfabeta, e estou à espera da prenda da Segurança Social deste ano, que já me prometeu que se eu me portar bem, me põe um daqueles intérpretes que falam com as mãos a explicar-me o que é que os gandulos da Cova da Moura me fazem em cima...

Acho que se isso não meter horas extraordinárias, também poderão vir aqui ler os textos para mim.

De qualquer maneira, só de olhar para as letras, acho que devem ser lindos.

Bem haja :-*

Kalinka disse...



MANUELA BAPTISTA

Pode crer
é que está mesmo muito frio!

Estou mesmo gelada.

Esperando a eternidade!

...

Serenidade...fui em busca dela
Tantas vezes a desejamos,
mas nada se faz para obter
eu fui à procura e consegui.

Depois de 6 dias por aí
em busca de Paz...
e de lugares novos para conhecer

já fiz 2 posts em blogues diferentes;

no blog "Momentos Perfeitos"
mostro o 1º lugar onde fiquei:
"Cepo Verde"
http://momentos-perfeitos.blogspot.pt/

No meu outro blog fiz a minha crónica de Natal
(quem me conhece sabe que detesto a hipocrisia desta época)
...
sei que o texto é um pouco longo,
mas aproveitei para relatar uma boa acção
que alguém desconhecido fez
e isso é que é de valor,
não as pessoas serem solidárias porque estamos no Natal

Desculpe, mas é assim que eu penso.

Vale a pena ler o texto até ao fim,
parece maior porque a letra também é grande. Aqui está:

http://pensamentosimagens.blogspot.pt/

Espero que goste!



BOAS FESTAS
Beijinho da Tulipa / Kalinka

ki.ti disse...

bem hajas, Jacintinha

o elan vital também me dá para escrever apesar de, sendo gata, ser analfabeta

pode parecer uma contradição mas não é, olha só a quantidade de livros na fnac

:))))




Silenciosamente ouvindo... disse...

Hoje venho especialmente desejar-lhe
a si e sua Família um Feliz e
Santo Natal.
Irene Alves

Agostinho disse...

Boa noite, Manuela,
o deslumbramento
dos olhos ao luar
a gente a imaginar...