pesponto

de magnólia doce e fresca em memória perfumada
se chover compro-te um gelado de limão

o frio que aquece queima o coração
não te esqueças de me bordar no peito
a ponto cruz pesponto pé de flor a cheio
tão vazio a deitar por fora chá preto
ou branco tanto faz
eu apenas queria ser capaz
de cantar com um raminho de rosas
e ser um boneco pequenino
e cuspir nas nuvens como um deusmenino
desatinar amores e outras dores
fazer-te rir ou até sorrir
apanhar pirilampos nas esquinas
dos campos amarelos
tanto verde já cansa não é mesmo
e se eu espalhar papelinhos pelo ar
tu vais ver como se transformam em rifas de feira
tão sem eira nem beira
como a loucura de uma dança primeira
-
esta página tem o sentido que lhe queiram dar
mas as fotos são minhas
-
Manuela Baptista
2010/05/29

30 comentários:

Jaime Latino Ferreira disse...

SOLILÓQUIO


Em solilóquio te digo
que a chorar irrigo
este mar de trigo

Neste pesponto me dou
e a ti te sigo


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 29 de Maio de 2010

Brancamar disse...

Olá Manuela,

Afinal parece que não sou só eu que me comovo, o Jaime também está choroso...

Hoje fez-me lembrar a minha avó materna, bordadeira desde menina, muitos enxovais bordou e muito pesponto pé de flôr, foi das coisas que mais gostei de aprender com ela, aqueles pespontos pequeninos e juntinhos e depois de feito o pé, fazer sair dele folhinhas a cheio, em verdes matizados e mais pesponto no meio, a fazer a nervura da folha.

Adoro chá branco, mas mais o de jasmim e adoro magnólias, tantos ingredientes para um dia feliz.

Obrigada pela associação de ideias que me provocou, todas doces e loucas.

Beijinhos de boa noite.
Branca

Canduxa disse...

Manuela

bendita magnólia!

cheiro doce
memória prodigiosa
a criança despertou
bateu palmas de alegria
fez um bordado a ponto cruz
bem perfeitinho
apanhou um pirilampo nas escadas
do quintal
correu para abraçar a criança Manuela
partilhando o seu melhor sorriso

mil beijos encantados da criança que ainda sou

Barbara disse...

Tem o sentido de aguçar os sentidos.
Foto - visão
Vontade de tocar pétalas.
Muito bonito seu espaço-texto-fotos e flores.

manuela baptista disse...

Jaime

quem segue

é ponto atrás!
que é assim:dá-se um pontinho à frente e volta-se sempre atrás

Manuela

manuela baptista disse...

Branca

então

debaixo da magnólia sirvo um chá branco e outro preto

jasmim também há no quintal

levo as linhas e os trapinhos e a Branca borda-nos a toalha com raminhos de violetas

que tal?

beijinhos

Manuela

walter disse...

Eu quero tudo deste poema, todos os cheiros e sabores, todos os papelinhos coloridos caindo sobre mim como chuva multicolor!

E se assim como quem não quer a coisa... leva-se de braço-dado este mágico tesouro de sensações, pespontado a fios de luz para a minha arca de recordações?

Em troca um gelado de limão, um colar de flores de papel e uma dança de verão. Pode ser?

Beijos

manuela baptista disse...

Canduxa

a magnólia tem tantas flores este ano!

mas estão tão altas, que tive de torcer o pescoço para conseguir fotografá-las...

beijinhos

Manuela

manuela baptista disse...

Barbara

obrigada pelas palavras e por ter passado por aqui!

Manuela

manuela baptista disse...

pode!

Walter

e gelado de limão com outro de avelãs

é juntar uma limonada com um esquilo maluco, é mesmo bom!!

um beijo

Manuela

alegria de viver disse...

Olá querida
Lindo, a busca interior é a conquista da liberdade e do encontro com a serenidade e satisfação.
Na dança todos os movimentos são válidos.
Com muito carinho BJS.

Linda Simões disse...

"Eu apenas queria ser capaz de cantar com um raminho de rosas..."

Eu queria apenas fazer um pesponto bem feito
...

Apanhar flores num jardim com pirilampos

...

E sentir o cheiro das rosas tão bem retratadas nesta página!


...


Beijoquinhas

manuela baptista disse...

Rufina

serenamente um beijo para si!

Manuela

manuela baptista disse...

Lindinha!

vou enviar
numa encomenda registada
um cheiro bom
de rosa perfumada!

...e leva tempoooooooooo a chegar aí, mas chega!

beijinhos

Manuela

Dulce AC disse...

"...fazer-te rir ou até sorrir..."

fazer-te presença
e afastar de ti ausência
dar-te alegria
nas sensações que nos trás a memória
emoções de cores e sabores
dar-te a Vida num gelado de limão

que recebo e agradeço
num sentir de rosas em campos amarelos
num sentir de tantos pirilampos
que trazem a Luz
num sorrir que já sinto

Manuela..num Olá de obrigado,
escrever-Lhe o bem que me fez hoje,
porque nas Suas palavras sorri e precisava de o fazer...

Uma flor para si num grande abraço.
dulce ac

Por toda minha Vida disse...

Manu.

Boa semana e nada quero além de sentar aqui e vislumbrar teu jardim, se esxiste paz esta na tua magnólia ou quiçá em tuas rosas perfumadas nesta minha manhã que não define se será sol ou nuvem.

Beijos minha querida.

Renata

manuela baptista disse...

Dulce

então? as flores ofereço eu!

e que bom, se o seu comentário lhe fez bem, pois eu acho, que é para isso mesmo que eles servem: expressar os sentimentos de quem vem aqui e partilhá-los.

com um grande sorriso :))))

um abraço

Manuela

manuela baptista disse...

Renata

deste lado do mar
está definitivamente SOL!

debaixo da magnólia
também...

votos de boa semana para ti também!

beijinhos

Manu

Dulce AC disse...

"e que bom, se o seu comentário lhe fez bem"

não não...foram as Suas palavras que me trouxeram o sorrir...

e as fotografias naturalíssimas da magnólia e rosas fizeram o resto.
fotos maravilhosas.

na próxima oportunidade que nos virmos vou querer uma flor num abraço, ou melhor, vou querer um abraço e uma flor do vosso jardim.

beijinhos.
dulce

manuela baptista disse...

Dulce

eu já tinha percebido, mas ao comentar

aposto que se sentiu melhor!

abraços e flores

Manuela

sideny disse...

Olá Manuela

Belo post ,lindas as flores.

O câozinho é um mimo:))

beijinhos

manuela baptista disse...

Sideny


obrigada!

...e o cãozinho
dá-se bem com os gatos??

beijinhos

Manuela

sideny disse...

Ola Manuela

Agora nâo tenho câes, só dois mimados gatos.

Mas sempre tive câes, e cheguei a ter um câo e um gato que é este que tenho agora(o gato) sempre se deram bem os dois.
depois ao gato arranjei-lhe uma companheira que trouxe da rua com uma semana e que criamos a biberom.
Infelizmente para meu desgosto e do meu filho morreu-lhe nos seus braços a caminho do hospital do restelo, e foi um desgosto terrivel para nós os dois.

A minha casa têm de ter patas nâo sabemos viver sem elas:))

adoramos animais cá em casa.

beijinhos

manuela baptista disse...

Sideny

deve ser bom viver numa casa com patas :))!!

beijinhos

Manuela

Por toda minha Vida disse...

Oi Manu.

Obrigada por tua atenção é muito bom ler teus comentários que me alegram e incentivam, logo de ti pessoa de escrita perfeita, impecável. Agora também fotografia muitas e lindas, sem contar as aquarelas, em protesto peço... (minhas borboletas)

Beijo

Graça Pereira disse...

Há vidas pespontadas a flores...que fazem caminho pela vida fora... há outras bordadas a ponto de cruz...onde se desnodam novelos e a cruz faz sombra sobre a magnólia...o verde perdeu a esperança...e o amarelo acolhe com serenidade...o descer do sol!!!
Beijo
Graça

manuela baptista disse...

Renata

à espera das borboletas...

não estão esquecidas, mas até agora, só vi as das couves e eu quero as outras mais bonitas!

beijinhos

manuela

manuela baptista disse...

Graça

que a tua
sei eu, já teve todos estes pontos

e muitos mais, ainda serão bordados!

beijinhos

Manuela

. intemporal . disse...

.

. como a música de uma sílaba .

.

. que não des.rima neste gracejar sem mesuras ou des.mesuras .

.

. a Senhora Dª Manuela está a escrever de tal maneira, que me ar.risco a dizer que toda a sua escrita é sementeira .

. em flor junto ao coração que queima .

.

. parabéns, minha amiga,,, .

.

. um beij.íssimo total e umas festinhas nas palmas das mãos .

.

. paulo .

.

manuela baptista disse...

Paulo

música
têm as suas palavras!

aceitando as festinhas nas palmas das mãos

pois é com elas que espalhamos sementes

um beijo

Manuela